Guia de Mosqueiro

Destaque

Um dos maiores tesouros e certamente seu maior atrativo turístico até os dias de hoje trata-se do colar de vinte e duas (22) praias. Algumas são velhas conhecidas, outras foram descobertas nas últimas décadas e ainda temos algumas cujos encantos são de conhecimento de poucos privilegiados. Embora não seja uma tarefa fácil estabelecer os limites entre as baias da região, três (3) delas são responsáveis por banhar as suas areias: ao norte a baia do Sol; ao sul a baia de Santo Antônio; e a oeste a suntuosa baia do Marajó. O regime de marés, típico do estuário amazônico, alterna “preamar” e “baixamar” de 6 em 6 horas. A localização de algumas delas e as condições de vento costumam oferecer um belo espetáculo de ondas de água doce que permitem a prática do Surf. Texto: Professor Eduardo Brandão

Loading...
Loading...
Destaque

Um dos maiores tesouros e certamente seu maior atrativo turístico até os dias de hoje trata-se do colar de vinte e duas (22) praias. Algumas são velhas conhecidas, outras foram descobertas nas últimas décadas e ainda temos algumas cujos encantos são de conhecimento de poucos privilegiados. Embora não seja uma tarefa fácil estabelecer os limites entre as baias da região, três (3) delas são responsáveis por banhar as suas areias: ao norte a baia do Sol; ao sul a baia de Santo Antônio; e a oeste a suntuosa baia do Marajó. O regime de marés, típico do estuário amazônico, alterna “preamar” e “baixamar” de 6 em 6 horas. A localização de algumas delas e as condições de vento costumam oferecer um belo espetáculo de ondas de água doce que permitem a prática do Surf. Texto: Professor Eduardo Brandão